Idade – 4 a 5 anos

Característica principal

Narrativa
– Narra uma história conhecida sem ajuda do outro ou de figuras, embora os elementos coesivos na narração ainda estejam falhos;

Marcos do desenvolvimento

Aquisição dos fonemas/sons (Lamprecht, 2004)
– A aquisição do fonema /lh/ ocorre a partir dos 4 anos;
– Já fonema /r/ é o último a ser adquirido, iniciando aos 4 anos e 2 meses.*

* Existe grande variabilidade de produção entre as crianças.

Vocabulário
– A criança apresenta cerca de 600 a 1500 palavras;

Habilidades conversacionais
– Passa a haver um equilíbrio maior entre manter e iniciar uma conversa. É capaz de conversar com mais de um interlocutor ao mesmo tempo sobre referentes ausentes e abstratos.
– Por volta dos 4/5 anos a criança já adquiriu a sintaxe básica, ou seja, a mesma gramática como o resto da família. A criança que, nas suas primeiras etapas, aprendeu fazi (por analogia com comi, parti, senti), no entanto, mais tarde acostumou-se a dizer fiz graças ao que ouvia dos adultos.
– Esta etapa do desenvolvimento é um processo de aprendizagem não automático advindo da estimulação de outros contextos como a escola e a família, portanto não se dá da mesma maneira e com o mesmo grau de perfeição em todas as crianças, marcando o início de uma diferenciação social e cultural.

Construção de frases
– Uso de períodos simples e compostos, além dos anteriores, subordinados com “se” e “quando”. Exemplos:

  • “Eu vou brincar quando eu for lá”
  • “Eu como se tiver batata frita”

– Usa corretamente os principais tempos verbais (presente, passado, futuro) para verbos regulares;
– Verbos pouco utilizados podem apresentar desvios de flexionamento, principalmente os verbos irregulares. Exemplos:

  • “Eu trazo pra você (Eu trago pra você)
  • “Eu não ouvo daqui” (Eu não ouço daqui)

– Fala frases de mais de cinco palavras